Aumentar tamanho das letras Diminuir tamanho das letras Versão para impressão Voltar Página inicial

 Notícias

18/10/2011

Fatos levam a crer que há uma tentativa de privatização em curso

1.A exemplo do que acontece com os servidores de outros órgãos, nos últimos anos é perceptível o descaso do governo do estado com o quadro de funcionários da Cagece. A Companhia tem pressionado trabalhadores para aderirem ao PRSP – que muitos consideram uma espécie de PDV – para que a aposentadoria de funcionários de fato seja antecipada.
2.Paralelo a isso, há um descompromisso com a realização do concurso público. Já se passaram seis anos de Governo Cid e o concurso continua como algo distante. A reivindicação da categoria vem sendo adiada, sofrendo com sucessivos atrasos e indefinições. Vários estudos de demanda de funcionários foram feitos: no mandato do governador Lúcio Alcântara e nas gestões dos ex-presidentes da Cagece Henrique Vieira e Jurandir Santiago. No entanto, todos os estudos são arquivados sem explicações. A atual gestão anunciou a criação de uma comissão para elaborar um novo estudo, sem a participação do Sindiagua.
3.Está em planejamento na Cagece a construção de 3 novas estações de tratamento de esgoto em Fortaleza a fim de evitar que a emissão de efluentes ocorra na orla marítima - que atualmente se encontra com quase metade de seus pontos de banho comprometidos (fato que vem desgastando a imagem do governo do estado). São obras que possivelmente necessitarão a contratação de uma grande quantidade de trabalhadores. Resta a pergunta: que mão de obra será essa? Funcionários próprios ou de empresas privadas por meio de uma privatização?
4.Em alguns estados, o avanço de grupos privados sobre companhias de saneamento é evidente. Recentemente ações das companhias de Tocantins e Santa Catarina foram compradas por empresas privadas, sob protestos dos trabalhadores. Os grupos privados vêem nas obras de saneamento e operação de sistemas uma oportunidade milionária de lucro.
5.As notícias divulgando a intenção do governo do estado de privatizar a Cagece não são de hoje. Vária notas sobre o assunto já foram divulgadas levantando suspeitas de uma possível venda da Cagece.
6.Só para relembrar: a Coelce foi privatizada no governo neoliberal, após período de sucateamento. Foram demitidos servidores e a hoje tarifa cobrada é uma das mais altas do mundo.

 

Aumentar tamanho das letras Diminuir tamanho das letras Versão para impressão Página inicial Voltar


Sindiagua - Sindicato dos Trabalhadores em Água, Esgoto e Meio Ambiente do Ceará
Rua Solón Pinheiro, 745, Centro • Fortaleza/CE • CEP 60.050-040  |  Fone: (85) 3254-4097
www.igenio.com.br