Campanha salarial: Cogerh não entrega proposta para ser discutida na assembleia dos trabalhadores

46

No dia 2 de setembro, foi realizada a assembleia geral extraordinária dos trabalhadores da Cogerh, na sede da companhia. A intenção era discutir e deliberar sobre a proposta que a empresa apresentou durante as negociações da campanha salarial da categoria. No entanto, num claro desrespeito aos trabalhadores, a direção da Cogerh não encaminhou a proposta final, o que inviabilizou a discussão na assembleia. Tentando se justificar, representantes da Cogerh afirmaram que a proposta ainda iria passar pelo Conselho Administrativo da empresa e pela Seplag. “Desde a reunião na SRTE, ficou definido que as negociações da campanha salarial seriam realizadas em três rodadas. E em nenhum a Cogerh informou que somente após aprovação da Seplag e do Conselho Administrativo a proposta da empresa seria encaminhada à categoria, fato que pode ser comprovado nas atas. Nós divulgamos a data da Assembleia em nossos informativos e no nosso site. Houve tempo suficiente para que a empresa finalizasse a proposta e apresentasse aos trabalhadores. Não podemos aceitar isso como desculpa. O que ocorreu é um total desrespeito com a categoria, e isso dificulta o fechamento de um acordo”, avaliou Jadson Sarto, presidente do Sindiagua.
O sindicato protocolou na manhã desta segunda (05/09) ofício solicitando agendamento de uma reunião com a diretoria da Cogerh para cobrar um pronunciamento da empresa sobre o descaso. O Sindiagua lembra que a atual diretoria esteve e sempre estará ao lado dos trabalhadores em busca de conquistas.