Plano de saúde, DSR e horas-extras são discutidos em reunião com a presidência da Cagece

43

Na manhã desta segunda (09/05), o presidente da Cagece recebeu a diretoria do Sindiagua para tratar de reivindicações dos trabalhadores, entre elas plano de saúde, concurso público, DSR e horas-extras. Houve poucos avanços no sentido de solucionar os problemas apresentados pelo sindicato.
O termo de referência para a contratação de um novo plano de saúde continua em estudo e a procuradoria jurídica da Cagece ficou de agendar uma reunião com o Gapes para tratar do assunto. Em relação ao concurso público, a Companhia afirmou que um levantamento de concursos realizados recentemente por outras empresas de saneamento está sendo feito, porém nenhum prazo foi apresentado. O presidente da Cagece negou que haja intenção de realizar concursos para empregos temporários – informação que chegou à direção do Sindiagua recentemente. A diretoria da entidade está atenta.
A Cagece afirmou também que continua realizando levantamento sobre os valores e habitualidade relativos ao Descanso Semanal Remunerado (DSR). O estudo será concluído até o dia 30 de junho, quando a empresa dará uma resposta final sobre o assunto. 
Por fim, em relação às horas-extras, a empresa afirmou que não há possibilidade de acordo no momento. A reivindicação dos trabalhadores teve parecer favorável da Justiça do Trabalho, mas uma liminar concedida em mandado de segurança permite que a empresa continue com a base de cálculo de 44 horas. Representando o Sindiagua, participaram da reunião Jadson Sarto, Linaide Crispim, Antônio de Oliveira,  Haroldo Ribeiro e Marcus Vinícius.